Tag: projetos de paisagismo

Topiaria

Topiaria é a técnica que consiste em esculpir plantas, com o auxílio de tesoura de poda, estaquias de condução e armações; E confecciona plantas com formas geométricas, esculturas artísticas, renques, maciços e cerca-viva.

Por este motivo é muito utilizada em projetos de paisagismo em estilo clássico, (Italiano ou Francês). As espécies mais indicadas e utilizadas para se realizar topiaria são plantas resistentes, que possuam uma grande quantidade de folhas em seus galhos; Folhas firmes e pequenas, com crescimento lento, tais como o: buxinhos, tumbérgia, pinheiros, pingo de ouro, entre outros, com estas mesmas características.

Topiaria utilizando pingo de ouro, como cerca viva.

Topiaria utilizando buxinho como decoração em vasos.

Pingo de ouro, tumbérgia e outras espécies como topiaria em maciços.

Topiaria compondo jardim com outras espécies mais rústicas.

 

Visite também os posts:

Buxinho

Cerca viva

Jardim  clássico


Envie comentário.

Tire suas dúvidas.

Curta no Facebook.

Siga no twitter.

Estufa para cactos e suculentas


Cultivadas em estufas, estas duas espécies demonstram um crescimento de até 25 % a mais, do que as plantas cultivadas em seu habitat natural. Com alguns cuidados básicos os cactos e suculentas em estufas respondem rapidamente com crescimento, floração e em alguns casos até frutos.

Cultivadas em sol pleno ou a meia-sombra, são excelentes plantas decorativas e podem compor um espaço rochoso ou formar maciços; E muito utilizada na composição de projetos de paisagismo em jardim no estilo desértico ou árido; Espécies que apresentam características muito semelhantes e convivem muito bem quando cultivadas juntas.

Três ações práticas para o cultivo de cactos e suculentas :

  • Rega, uma vez por semana.
  • Adubação regular; com fertilizante NPK.
  • Retirada de partes velhas da planta, (folhas, flores e partes do caule).

Substrato para o cultivo de cactos ou suculentas:

  • 1 parte de terra comum.
  • 1 parte de terra vegetal.
  • 2 partes de areia.

O solo ideal é arenoso, com pouco nutriente e bastante drenagem.


Estufa de cactos e suculentas.

Várias espécies de cactos e suculentas.

Cultivo de cactos e suculentas em estufa.

Estufa.

Espécies de suculentas.

espécies de cactos.

Visite também os posts:

Jardim vertical

Jardim desértico ou árido

NPK como utilizar?


Envie comentário.

Tire suas dúvidas.

Curta no Facebook.

Siga no twitter.

Buxinho


Nativa do Mediterrâneo e do Oriente, o buxinho (Buxus sempervirens), é a planta mais empregada na Topiária, (arte de podar plantas em formas ornamentais e geométricas).

Suas folhas são bem resistentes e aceitam bem as podas, com regeneração rápida. Porém seu crescimento é lento, o que torna esta espécie muito valorizada no mercado. Rustica, é bastante utilizada na topiaria e confecção de bonsai, pois se adapta bem em vasos.

Também  muito utilizada como cerca viva, o buxinho é cultivado em uma altura menor que as cercas construídas para divisão de ambiente,  o buxinho produz cerca viva apenas de delimitação de espaço.

Deve ser cultivada em sol pleno, porém necessita receber regas constante, para que suas folhas mantenham o brilho peculiar. Cultive em solo rico em matéria orgânica e nutrientes.

A reprodução é realizada por estaquia ou alporquia, (em estágio mais avançado). Para atingir o tamanho ideal para venda ou realizar a topiaria na planta,  leva um tempo longo, se comparado a outras espécies. Porem uma vez cultivado em um jardim é capaz de demonstrar: beleza, utilidade, formas diferenciada e um verde inconfundível em suas folhas pequenas e delicadas.


Vasos com topiaria.

Buxinho cultivado em vaso.

Buxinho aplicado como topiaria e cerca viva.

Jardim japonês, buxinho como elemento decorativo.

Detalhes das folhas do buxinho, jardim japonês ao fundo.

Visite também os posts:

Jardim clássico terracotajardinagem

Cerca viva

Coroa de Cristo


Envie comentário.

Tire suas dúvidas.

Curta no Facebook.

Siga no twitter.