Tag: nome cientifico

Cabeça de frade

Cabeça de frade (Melocactus zehntneri), ou coroa-de-frade; Espécie da família das cactaceae originária da America do Sul, Brasil, planta perene de cultivo de sol pleno.

De formato arredondado o cacto Cabeça de frade tem um aspecto interessante. Suas flores são formadas no chapéu vermelho e cilíndrico sobre o tronco verde. Possui espinhos pontiagudos nas bordas dos gomos que formam o tronco. Nativo das regiões semi-áridas do nordeste, é pouco exigente quanto ao solo e à umidade.

Devem ser cultivados em substrato composto de areia e terra de jardim, sob sol pleno, sendo intolerante ao frio. As regas ficam por conta apenas das chuvas.

Podem ser cultivados em vasos como planta isolada ou em composição com outras cactáceas e suculentas diretamente em jardins; Não produz raízes agressivas

e apresenta facilidade de germinação.

Em projetos de paisagismoCabeça de frade é excelente para ser cultivada em:

Há inúmeras formas de introduzir a Cabeça de frade na decoração, para a composição com harmonia no ambiente, tais como:

  • Maciços, em jardins.
  • Isolada em jardins.
  • Conjunto de vasos enfileirados.
  • Conjunto ao longo de alamedas
  • Forração sob arvores.
  • Envasada em ambientes externos.

Devido a  Cabeça de frade não apresentar floração exuberante, ela se integra com facilidade a espécies da família dos cactos e suculentas; Consulte as dicas de espécies para auxiliar na escolha das plantas do projeto e cultivo do jardim.

Siga esta dica para facilitar na escolha das espécies para realizar o projeto e cultivo do jardim.

Dicas para o cultivo saudável da Cabeça de frade:

  • Conheça os pontos cardiais, de seu jardim, desta forma irá cultivar suas plantas no local mais indicado para cada uma delas.
  • Regue a planta apenas em períodos de grande estiagem, pois apresenta grande resistência a falta d’água.
  • Cultive sob sol pleno.
  • A planta pode ser cultivada em solo com poucos nutrientes.
  • A especie não necessita de poda.
  • Adube com fertilizante mineral, Npk 10-10-10. 2 vezes ao ano.

Siga estas dicas de cultivo e a  Cabeça de frade, ficará livre de pragas e doenças, e se manterá com a aparência exuberante, acrescentando vida, na decoração do ambiente.

 

 

 

Visite também os posts:

Ipê rosa.

Ipê branco.

Romã.

Cheflera.

Cerejeira ornamental.

Arvore do viajante.

Parque do Ipiranga

Envie comentário.

Tire suas dúvidas.

Curta no Facebook.

Coroa de frade

Coroa de frade (Melocactus zehntneri), ou Cabeça-de-frade; Espécie da família das cactaceae originária da America do Sul, Brasil, planta perene de cultivo de sol pleno.

De formato arredondado o cacto Coroa de frade tem um aspecto interessante. Suas flores são formadas no chapéu vermelho e cilíndrico sobre o tronco verde. Possui espinhos pontiagudos nas bordas dos gomos que formam o tronco. Nativo das regiões semi-áridas do nordeste, é pouco exigente quanto ao solo e à umidade.

Devem ser cultivados em substrato composto de areia e terra de jardim, sob sol pleno, sendo intolerante ao frio. As regas ficam por conta apenas das chuvas.

Podem ser cultivados em vasos como planta isolada ou em composição com outras cactáceas e suculentas diretamente em jardins; Não produz raízes agressivas

e apresenta facilidade de germinação.

Em projetos de paisagismoCoroa de frade é excelente para ser cultivada em:

Há inúmeras formas de introduzir a Coroa de frade na decoração, para a composição com harmonia no ambiente, tais como:

  • Maciços, em jardins.
  • Isolada em jardins.
  • Conjunto de vasos enfileirados.
  • Conjunto ao longo de alamedas
  • Forração sob arvores.
  • Envasada em ambientes externos.

Devido a  Coroa de frade não apresentar floração exuberante, ela se integra com facilidade a espécies da família dos cactos e suculentas; Consulte as dicas de espécies para auxiliar na escolha das plantas do projeto e cultivo do jardim.

Siga esta dica para facilitar na escolha das espécies para realizar o projeto e cultivo do jardim.

Dicas para o cultivo saudável da Coroa de frade:

  • Conheça os pontos cardiais, de seu jardim, desta forma irá cultivar suas plantas no local mais indicado para cada uma delas.
  • Regue a planta apenas em períodos de grande estiagem, pois apresenta grande resistência a falta d’água.
  • Cultive sob sol pleno.
  • A planta pode ser cultivada em solo com poucos nutrientes.
  • A especie não necessita de poda.
  • Adube com fertilizante mineral, Npk 10-10-10. 2 vezes ao ano.

Siga estas dicas de cultivo e a Coroa de frade, ficará livre de pragas e doenças, e se manterá com a aparência exuberante, acrescentando vida, na decoração do ambiente.

 

 

 

Visite também os posts:

Ipê rosa.

Ipê branco.

Romã.

Cheflera.

Cerejeira ornamental.

Arvore do viajante.

Parque do Ipiranga

Envie comentário.

Tire suas dúvidas.

Curta no Facebook.

 

Buquê de noiva

(Plumeria pudica), nome cientifico da espécie conhecida popularmente como buquê-de-noiva; Planta perene, de origem dos países: Venezuela, Panamá e Colômbia.

Espécie chega atingir até 3 metros de altura; de fácil reconhecimento, as folhas tem formato de colher, com pecíolo curto, brilhantes e de coloração verde-escura.


A flores da Buquê de noiva são vistas quase o ano inteiro, são formadas sempre aglomeradas na copa, brilhantes, de coloração branca com o centro levemente amarelado. O formato de um maravilhoso buquê, daí a origem de um de seus nomes populares. Ao contrário de outros jasmins, suas flores não tem perfume.

A espécie atrai polinizadores em grande quantidade, pois floresce o ano inteiro; Ainda não produz raízes agressivas, Espécie indicada para arborização urbana, de praças, parques, áreas degradadas, pois apresenta facilidade de germinação e manutenção.

Em projetos de paisagismo a buquê de noiva é excelente para ser cultivada em

Há inúmeras formas de introduzir a buquê de noiva na decoração, para a composição com harmonia no ambiente, tais como:

  • Isolada em gramados, com crescimento livre.
  • Isolada em gramados, com poda de contenção na forma de arvoreta.
  • Conjunto de vasos enfileirados.
  • Conjunto ao longo de alamedas
  • Arbusto.
  • Planta palustre próximo á lagos, piscinas, espelho d’água.
  • Junto a taludes e grandes pedras.

Devido a  buquê de noiva apresentar floração de cor branca, a planta se integra com mais facilidade a todas as espécies, facilitando na escolha, projeto e cultivo do jardim.

Siga esta dica para facilitar na escolha das espécies para realizar o projeto e cultivo do jardim.

  1. TOUCEIRA:    Falsa íris. AgapantoGladíolos.
  2. FOLHAGEM:   Antúrio.
  3. FORRAÇÃO:   Cinerária Marítima.

Dicas para o cultivo saudável da  buquê de noiva:

  • Regue a planta apenas em períodos de grande estiagem, pois apresenta grande resistência a falta d’água.
  • Cultive sob sol pleno
  • Multiplica-se por estaquia
  • Conheça os pontos cardiais, de seu jardim, desta forma irá cultivar suas plantas no local mais indicado para cada uma delas.
  • Faça a poda de contenção da planta se houver necessidade, após a floração.
  • Adube com fertilizante mineral, Npk 04-14-08.

Buquê de noiva, ficará livre de pragas e doenças, e se manterá com a aparência exuberante, acrescentando vida, na decoração do ambiente.

Visite também os posts:

Bromélia

Babosa de arvore.

Estufa para plantas

Ipê branco.

Talude

Envie comentário.

Tire suas dúvidas.

Curta no Facebook.