Tag: cultivo

Bananeira vermelha


A bananeira vermelha é indicada para projetos de jardim tropical ou ainda para quem deseja cultivar a espécie sem pretensão de desenvolver uma característica própria para seu jardim, porém aprecia espécies com verde abundante e  florescência vermelha.

Locais ideal para o cultivo da bananeira vermelha, são:

  • Isolada no jardim, (observada por inteiro).
  • Pano de fundo em canteiro.
  • Como cerca viva.

Uma planta rustica, porém não tolera vento em suas folhas que se rasgam com facilidade, cultive em sol pleno. Seu porte atinge  1,5 de altura, com touceiras de 10 15 hastes. Realize rega 2  vezes na semana. Cultive em solo com substrato com partes iguais de terra e esterco de gado, com distancia minima de 3 metros de uma cova para outra.

Adube com NPK 12-06-12. Em locais de clima frio, a bananeira vermelha perde suas folhas no inverno, mas volta se desenvolver na primavera e florescer no verão.Para a obtenção de mudas da bananeira vermelha realize divisão de rizoma, (caule subterrâneo que cresce na horizontal).

A dica para estimular uma florada contínua é;  Quando suas flores murcharem, corte a haste a 10 cm do solo; Isto fará com nascer hastes novas e por consequência flores novas também.


Florescência vermelho vibrante. Foto revista natureza.

Foto revista natureza.

Flor da bananeira vermelha. Foto revista natureza.

Visite também os posts:

NPK como usar?

Helicônia papagaio

Helicônia rostrata


Envie comentário.

Tire suas dúvidas.

Curta no Facebook.

Siga no twitter.

Jabuticabeira


A jabuticabeira, (Plínia cauliflora), arvore nativa do Brasil, especificamente da Mata Atlântica. Com um grande potencial para comercialização. Pois é grande o consumo de  seus frutos, realizado através de: geleias, sucos, sorvetes, bebidas fermentadas, licores e em natura.

Além disso, a casca da jabuticaba apresenta elevado conteúdo de antocianina, substância com ação em prevenção de várias doenças. Entre os quais é mencionado o cozimento da casca, para a confecção de xarope, como remédio contra asma. O suco extraído da jabuticaba é culturalmente conhecido no estado de Minas Gerais como “jabuticabada”. A famosa jabuticabada era usada, por muitas tribos indígenas, para alimentar principalmente as gestantes, por ser um suco rico em ferro.

Muito cultivada em pomares domésticos. A jabuticabeira chega atingir até 15 m de altura, com tronco claro, liso, e folhas simples e pequenas. As mudas enxertadas,  produzem duas vezes ao ano; Após 2 anos de cultivo. Já a  muda da jabuticabeira realizada através de sementes leva entre 10 e 15 anos para frutificar.

Ornamental, a jabuticabeira é muito utilizada no paisagismo, além de atrair os pássaros, sua florada apresenta um aroma doce e suave, inconfundível e seus frutos agradam não apenas as crianças como os de maior idade também.Seus frutos pequenos, de casca negra e polpa branca aderida à única semente, crescem no tronco e ramos, dando uma característica peculiar à árvore.

Cuidados com a jabuticabeira.

  • Mantenha a terra úmida, uma dica é colocar uma garrafa grande com um furo na base, cheia de água ao lado do tronco. Porém regas constantes são indispensáveis para uma boa colheita.
  • Pode os ramos baixos deixando-os mais limpos que conseguir.
  • Entre-safras escove o tronco e galhos para retirar cascas e resíduos das frutas e flores antigas, para não se proliferarem fungos e doenças.
  • Adube com fertilizante químico NPK 04-14-08. Para auxiliar na produção dos frutos, não permitindo que as flores caiam e aumentando a produção de frutos.
  • Colha os frutos de sua jabuticabeira quando estiverem bem maduros,  pretos e brilhantes. Quanto mais maduros, mais doces são os frutos.


Tronco de jabuticabeira com botões de flores.

Tronco de jabuticabeira florido.

Tronco com jabuticabas semi- maduras.

Tronco com produção de jabuticabas maduras.

Visite também os posts:

Pitangueira.

Romã.


Tamareira de jardim


Pândano


NPK como usar ?

Envie comentário.

Tire suas dúvidas.

Madressilva-brasileira


A madressilva-brasileira é uma especie entouceirada, também conhecida como: alstroeméria, carajuru, lírio-de-luna, lírio-dos-incas, lírio-peruviano, madressilva-brasileira, madressilva-da-terra, madressilva-de-canteiro.

Planta perecível, que necessita realizar o replantio após floração, se desejar um cultivo de qualidade, pois a espécie diminui o vigor após florir.

Nativa do Brasil, a madressilva-brasileira possui aroma semelhante ao da trepadeira madressilva; Com porte que chega a medir 50 cm de altura e folhas verdes que caem na época da florada.

O cultivo da madressilva-brasileira pode ser realizado em vasos, canteiros, renques próximo á  muros ou ainda em forma de maciço, introduzida em projetos de paisagismo em jardim de estilo tropical.

Se deseja cultivar espécies que exalam aromas, conheça duas espécies, com cheiros semelhantes, porém, com estruturas bem diferenciadas. Se optar pelo plantio irá introduzir em seu projeto de paisagismo espécies que aguçam além do sentido visual o do olfato também.

Dicas para o cultivo saudável da madressilva-brasileira:

  • Regue a planta 1 vez na semana.
  • Cultive sob meia sombra.
  • Cultive em solo fértil, bem drenado e ricos em matéria orgânica.
  • Realize mudas através de divisão de touceira, durante o repouso vegetativo, no início do Outono.
  • Faça replantio da espécie a cada 1 ou 2 anos, conforme a necessidade que a planta apresenta.
  • Adube com fertilizante mineral, Npk 04-14-08.


Florada de madressilva-brasileira.

Florada da trepadeira Madressilva.

Flor da trepadeira madressilva.

Visite também os posts:

Canteiros

NPK como usar?

Bananeira vermelha.

Envie comentário.

Tire suas dúvidas.

Curta no facebook.

Siga no twitter.