Tag: cultivar

Lago artificial


Com um lago artificial de 12 mil litros,  dividido em 2 partes; Um lado com a delicada estrela- branca, trata-se de uma planta aquática ornamental de fácil manutenção, e o outro lado com carpas.

Os dois lados do lago artificial estão interligadas por um córrego, que passa sob a ponte.

A dica é cultivar em torno do lago apenas plantas com folhas grandes, que facilita a sua retirada da água, as plantas com folhas pequenas não são indicadas,  pois alem de serem difícil sua retirada, ainda podem danificar os filtros de água.

Investir no paisagismo do entorno do lago também é o segredo para deixar bem natural sua aparência do projeto. E o estilo indicado é o tropical rustico; Com a introdução de: jasmim-manga, bromélias, agapanto-azulão, sálvia e no muro unha-de-gato. O deque e os bancos de madeiras colaboram para a rusticidade do lago artificial.


Lago com carpas.

Bromélia em destaque.

Estrela-branca, é muito ornamental e tem aparência delicada.

Lago artificial, dividida em duas partes por uma ponte.

fotos: Revista Natureza.

Visite também os posts:

Chafariz e fontanário.


Cascata miniatura.


Lagoa artificial.

Envie comentário.

Tire suas dúvidas.

Curta no Facebook.

Siga no twitter.

Mil cores



O arbusto mil cores é de grande efeito ornamental. Apresenta folhas muito coloridas que nos remete a pinturas feitas no século XIX pelo artista Claude Monet. com pinceladas leves, que dava a suas obras aspecto de movimento.

A mil cores apresenta variedades que  podem ser mescladas de branco e rosa e ter folhas rubras ou totalmente brancas . Seu crescimento é moderado, podendo atingir 1,20 m de altura.  pode ser utilizada como renques,  bordadura, maciços ou cerca viva. Porem em vaso seu colorido se destaca ainda mais, pode ser cultivado sob sol pleno ou meia sombra. E sua mudas são vendidas por cerca de 20 reais.

A dica é cultivar em sua sala utilizando vasos e pendurar próximo, a obra de Monet-Campo de tulipas na Holanda 1886, ou O jardim do pintor em Giverny 1900. O efeito será revelador… mostrando toda a  proximidade do artista com a  natureza.


O jardim do pintor em Giverny 1900. Claude Monet.

Campo de tulipas na Holanda 1886. Claude Monet.