Tag: arbustos

Plantas de fácil cultivo


Mesmo na correria do dia a dia, é possível ter um lindo jardim em casa; Com a escolha correta de espécies que não exijam muita manutenção.

Ideal para quem não tem muito tempo livre para se dedicar a dica é que nem todas as plantas necessitam de muitos cuidados; Algumas espécies, como:

Estas espécies resistem bem à intensa insolação e podem ser boas alternativas para quem gosta de um ambiente com verde e vida.

Para quem dispõem de um espaço maior, as arvores de pequeno porte e os arbustos, são uma boa opção, não oferecem manutenção contínua, apenas cuidados trimestrais, e se consegue um bom resultado da espécie; E precisam de rega somente na ausência prolongada de chuvas e adubação quatro vezes no ano; Algumas espécies, como:

Se a opção for cultivar em vasos, especialistas alertam para o tamanho, pois quanto menor, apresentam menos nutrientes e mais cuidados será necessário para o cultivo; Já os maiores oferecem maiores reservas de água e nutrientes; É o que afirma paisagistas que realizam projetos de paisagismo utilizando vasos em pequenos espaços.


Espécies resistem bem à intensa insolação.

Ideal para quem não tem muito tempo livre para se dedicar ao cultivo de plantas.

Arvores de pequeno porte e arbustos, são uma boa opção, pois não oferecem manutenção contínua.

Quanto menor o vaso, eles apresentam menos nutrientes e mais cuidados.

Pergolado Mesa de madeira rústica Pergolado de bambu Decoração com caixas de feira Decoração com paletes

Visite também os posts:

 

Envie comentário.

Tire suas dúvidas.

Curta no Facebook.

Siga no twitter.

Maciços, como cultivar


Ao introduzir maciços em projetos de paisagismo você consegue um efeito muito bom, no colorido do jardim, pois destaca as cores e formas que o cultivo de plantas isoladas não conseguem realizar.

Para conseguir um efeito colorido no jardim, escolha espécies com folhas de cores que destaca o verde predominante da natureza, são elas:

  • Crotons, (apresenta cor mesclada de vermelho e amarelo).
  • Dracena vermelha, (apresenta cor vermelha).
  • Pingo de ouro, (apresenta cor verde limão vibrante).
  • Maranta zebrada, (apresenta cor rajada de verde e branco).
  • Agave, (apresenta listras de cor branca e verde).

Estas folhagens e arbustos apresentam cores que se destacam no jardim, grande rusticidade, resistência a pragas e doenças, podendo ser cultivadas sob sol pleno e não necessitam de rega contínua.

A extensão e forma empregada no maciço irá depender da disponibilidade do espaço e efeito desejado; Dando ao projeto de paisagismo a possibilidade de criar os mais variados desenhos e nuances, com o recurso de sobreposição de espécies ou emprego de uma única espécie criando as mais diversas formas e feitos no jardim.

O cultivo de espécies em forma de maciço é um recurso muito utilizado em jardim de estilo Inglês, onde as plantas são cultivadas muito próximas, para proteção das espécies contra o frio rigoroso.

Escolha plantas de acordo com a altura que o maciço deve atingir:

As folhagens:

  • apresentam altura pré determinada pela espécie, uma vez cultivada não há como realizar poda de contenção.

Os arbustos:

  • podem ser definida a altura com poda de contenção, em algumas espécies se consegue realizar maciços com apenas 40 cm de altura, como o pingo de ouro, que aceita poda de contenção e ainda deixa a planta com um verde vibrante.

As espécies que florescem:

  • possuem altura ideal para a realização de maciços, como a: Estrelítzia, Lírios, Capim do Texas, Bromélias etc…


Maciço cultivado com Dracena vermelha.

Maciço em parque ou grande jardins dá destaque as cores da espécie cultivada.

Maciços confeccionado com pingo de ouro, apresenta 40 cm de altura e aceita poda de contenção que deixa a planta com um verde vibrante.

Maciço de Capim do Texas.

Visite também os posts:

 

Topiaria.

Técnicas para projetar jardim.


Projete seu jardim.

Maciços.


Envie comentário.

Tire suas dúvidas.

Curta no facebook.

Siga no twitter.

Arbustos


Os arbusto, são plantas que apresentam porte menor em comparação com árvores, em sua grande maioria não ultrapassam os 3 metros de altura;  Com estrutura lenhosa, semi-lenhosa ou herbácea e de galhos encorpados e rijos, semelhante ao das árvores.

Porém a principal diferença entre arvores e arbustos é a presença de vários troncos iguais, sem haver um dominante como nas árvores. Pois os arbustos não ramificam a partir o mesmo tronco, mas da mesma base.

Existe ainda os arbustos escandentes, que apresentam troncos flexíveis e galhos que se desenvolvem voltados para baixo, com formato lembra trepadeira. Os arbustos são introduzidos em projetos de paisagismo, para serem cultivados de diversas maneiras:

  • Em formato de topiária: buxinho, pingo de ouro.
  • Espécie isolada: Camarão amarelo, pingo de ouro, mil cores.
  • Renque: clúsia, russelia, mil cores.
  • Maciço: lantana.
  • Cerca viva: pingo de ouro, mil cores,
  • Vasos: todas as espécies citadas exceto a russelia, pois arbustos escandentes não são indicados para o cultivo em vasos.Clúsia arbusto cultivado em vaso.


Clúsia arbusto cultivado em vaso.

Lantana arbusto cultivado em forma de maciço.

Russelia arbusto escandente, cultivada com renque na parte de cima o muro.

Visite também os posts:

Russelia.

Camarão amarelo.

Lantana.

Mil cores.

Envie comentário.

Tire suas dúvidas.

Curta no facebook.

Siga no twitter.